quinta-feira, março 06, 2014

Civil 3D - : The security system (Softlock license manager) is not functioning or is improperly installed

Caso essa mensagem apareça ao abrir o Civil 3D, "The security system (Softlock license manager) is not functioning or is improperly installed"

Você corrompeu a instalação de um programa da Autodesk, ou se você tiver mexido no registro para alterar o método de licença 
O Motivo do erro pode ser uma instalação corrompida de um programa da Autodesk ou um registro tweak com problemas para mudar o método de licença de rede para Standalone.

Na maioria dos casos desinstalar e reinstalar o programa da Autodesk deve corrigir o problema.
Outra opção seria deletar os arquivos na pasta:
Windows 7 ou Vista -
C:\ProgramData\FLEXnet\adskflex_00691b00_tsf.data
C:\ProgramData\FLEXnet\adskflex_00691b00_tsf.data.backup
Windows XP -
C:\Documents and Settings\All Users\Application Data\FLEXnet\adskflex_00691b00_tsf.data
C:\Documents and Settings\All Users\Application Data\FLEXnet\adskflex_00691b00_tsf.data.backup
Re-ative o programa que deve resolver o problema.
Se o problema persistir pode estar relacionado com a permissão do usuário, então por favor, tente instalar e executar o software como uma conta de administrador local.

Boa sorte!

sexta-feira, julho 05, 2013

Câncer - Cura já foi encontrada faz tempo... ~ PTMM

Câncer - Cura já foi encontrada faz tempo... ~ PTMM

terça-feira, maio 14, 2013

Testando HD Externo

Sempre quis achar alguma coisa sobre isso na internet e hoje sem querer encontrei. Já comprei alguns HDs por preços bem abaixo do valor de mercado, mesmo em sites "confiáveis", e ficava com dúvidas se estava comprando um produto novo, e que não fosse dar defeito rápido.
Agora encontrei um programinha que resolve o problema e segue abaixo como utilizar, transcrevo a dica do ótimo site BoaDica.com.br.
http://www.boadica.com.br/dica/793/o-disco-que-voce-comprou-e-realmente-novo


O DISCO QUE VOCÊ COMPROU É REALMENTE NOVO?
Antonio Vilhena - 27/03/2013
Recentemente, devido a alguns requerimentos de amigos, lojas e usuários, liberamos um artigo aqui na área de dicas, onde mostrávamos como identificar se um toner HP era falso ou não (Toner Falso da HP - CUIDADO - Aprenda a identificar), e muita gente tem utilizado as dicas que passamos para não ser enganado o que tem nos dado grande satisfação em ter ajudado. Algumas das pessoas que nos deram feedback sobre o artigo, nos colocaram um outro problema: "como saber se um disco que estou comprando é novo ou usado?".
Como muitos discos são vendidos na modalidade OEM (sem caixa, só no envelope), e muitos discos com problema são facilmente recondicionados e colocados de novo à venda, o comprador nem sempre tem como saber se o disco que está comprando é novo, rma, usado, etc., ou seja, podem estar comprando gato por lebre (não temos nada contra produtos usados ou RMA, DESDE QUE SEJA CLARAMENTE INFORMADO AO COMPRADOR).
Estivemos pensando um pouco sobre o assunto, compramos alguns discos para verificar, e para sabermos se o disco já era usado ou não, só tem como saber TESTANDO... mas pelo menos o teste é bem simples e qualquer um pode fazer.
Praticamente todos os discos atualmente utilizam a tecnologia S.M.A.R.T (Self-Monitoring, Analysis and Reporting Tecnhology) - vejam algumas informações sobre esta tecnologia no artigo Entendendo o S.M.A.R.T.onde mostramos um pouco sobre o que é esta tecnologia - onde utilizam esta tecnologia para controle de quantidade de erros, falhas, tempo de uso, etc., e é justamente nisso que podemos basear nossa análise. Mesmo que o disco seja formatado, zerado, apagado, desmagnetizado, isto só é realizado na superfície do mesmo, os dados do S.M.A.R.T ficam na EPROM (memória presente na parte eletronica do disco), que não pode ser apagada de modo simples, assim, ali você encontra várias informações sobre a vida do disco, e na parte que nos interessa, QUANTO TEMPO TEM O DISCO, QUANTAS VEZES FOI LIGADO, etc., de forma que poderemos saber se ele é USADO OU NÃO!
Para poder ler os dados do S.M.A.R.T., você pode baixar um programa gratuito, em português, que é muito bom e gratuito: CrystalDiskInfo (versão standard). Para não ter nem que instalar, você tem a opção de utilizar a versão para dispositivos portáteis (pendrives USB - portable edition).
Como usei a versão portable, não precisa nem instalar, é abrir o ZIP e rodar o executável que está lá dentro:

Como vemos na imagem que o produto apresenta, é facilmente identificado o Nº de vezes ligado, e o Nº de horas Ligado, ou seja, o HD acima (instalado no meu notebook), já foi ligado 952 vezes e já possui 2475 horas de uso!!! Se eu vendesse este HD para alguém dizendo que era novo, mesmo formatando ele, quem comprou saberia na mesma hora (usando o S.M.A.R.T.) que o HD já tinha este tempo todo de uso que informei anteriormente.
Para aqueles que desejam conferir estas informações do S.M.A.R.T. de forma rápida, sem ter que instalar o disco no seu micro, poderá também recuperar esta informação utilizando uma conexão USB, ou seja, conectando o disco através do USB no seu micro (ou notebook), basta rodar o aplicativo e verificar os dados. Veja no exemplo abaixo:

Neste quadro acima, vemos que o disco está conectado através da USB, foi ligado 18 vezes e usando durante 40 horas!
Uma maneira de testar rápido seria utilizando uma dock-station para discos como a que foi mostrada no artigo Base para disco IDE e Sata Externo.
Assim, como vemos, utilizando um micro com o disco conectado (USB ou ATA/SATA) e o programa CrystalDiskInfo instalado num pen-drive, rapidamente poderemos checar se o disco já é usado ou não!

terça-feira, abril 30, 2013

Ausente devido as atribuições do trabalho, sem tempo pra me coçar!

quinta-feira, dezembro 15, 2011

Desbloquear minimodem HUAWEI

O desbloqueio gratuito de aparelhos no Brasil passou a ser realidade faz pouco tempo.

Existem alguns modens antigos que ainda são bloqueado. Mas, quem tem minimodem da Huawei, tem um pouquinho de sorte: existe uma calculadora que gera o código de desbloqueio gratuitamente!

Para desbloquear seu minimodem, você precisa do número de série – o IMEI- que está na etiqueta do modem ou na nota fiscal. Basta colocar o IMEI nessa caluladora e gerar o código. Feito isso, anote o código, coloque um chip de outra operadora no modem e ligue no computador. Irá pedir o código de desbloqueio. Insira o código que você anotou e voilá!

Atenção: esse procedimento é válido para os modelos E1550, E155, E156, E156G, E160, E160G, E161, E166, E169, E169G, E170, E172, E176, E180, E182E, E196, E226, E270, E271, E272, E510, E612, E618, E620, E630, E630+, E660, E660A, E800, E870, E880, EG162, EG162G, EG602, EG602G. Faça o procedimento por sua conta e risco!


http://a-zgsm.com/huawei.php